Autarquia investe no Caminho Português Interior de Santiago

O Município de Vila Pouca de Aguiar encontra-se a executar várias intervenções de melhoria do troço concelhio do Caminho Português Interior de Santiago, ações estas comparticipadas ao abrigo da Linha de Apoio Valorizar.

Está já em curso a reformulação e implementação de nova sinalética de apoio neste traçado histórico de peregrinação, bem como obras pontuais de regularização do piso e limpeza da vegetação, num percurso que se estende, ao longo do Vale de Aguiar, pelas freguesias de Telões, Soutelo, Vila Pouca de Aguiar, Bornes de Aguiar e Sabroso.

O Caminho Português Interior de Santiago foi sinalizado e dinamizado, na última década, pelos municípios entre Viseu e Chaves, tendo sido o primeiro itinerário português classificado como Rota Cultural Europeia, selo atribuído pelo Instituto dos Itinerários Culturais do Concelho da Europa.

Recentemente, foi submetido requerimento para a Certificação Nacional desta via de peregrinação a Santiago de Compostela, ao abrigo do DL 51/2019.

Vila Pouca de Aguiar preside, atualmente, à Federação Portuguesa do Caminho de Santiago, entidade criada em 2019, e que conta com cerca de meia centena de associados, entre municípios portugueses nas diversas vias de peregrinação, associações de peregrinos e outras entidades jacobeias.

Ainda em 2021, está prevista a conclusão de novos investimentos no troço concelhio do Caminho de Santiago, com a construção de um albergue no antigo apeadeiro de Sabroso, bem como várias ações de promoção, comunicação e capacitação da comunidade local, que serão executadas conjuntamente com os 8 municípios do Caminho Interior.

Mais informação sobre o Caminho Português Interior de Santiago em info.cpisantiago@gmail.com

Texto da responsabilidade da Loja Interativa de Turismo de Vila Pouca de Aguiar Fotografias da empresa NTN Consulting.

Menu