As barragens do Alto Tâmega já empregam 1.500 pessoas

A Iberdrola efectuou recentemente, um ponto da situação do Sistema Eletroprodutor do Tâmega. Com 35% dos trabalhos já realizados, a concessionária emprega 1.500 trabalhadores de forma directa. A construção das três barragens: Gouvães, Daivões e Alto Tâmega, tem um investimento de 1.500 milhões e projecta a criação de 13.500 empregos de forma directa e indirecta, no período onde o volume de trabalho é maior (2018-2020).

A obra ficará finalizada em 2023, e vai servir para a produção de eletrecidade, mas também para reserva de água em anos secos. A Rádio Clube Aguiarense foi conhecer o Plano de Ação Socioeconómico, assinado entre a Iberdrola e os sete municípios envolvidos no empreendimento (Vila Pouca de Aguiar, Ribeira de Pena, Boticas, Chaves, Valpaços, Montalegre e Cabeceiras de Basto). Ouvimos ainda os autarcas do Alto Tâmega: Alberto Machado, João Noronha e Fernando Queiroga. Ouça a reportagem da RCA no podcast.